Login to your account

Username *
Password *
Remember Me

  fone

São Paulo demite Carpegiani após 3ª derrota seguida

O técnico Paulo César Carpegiani, sob pressão desde a eliminação nas quartas de final da Copa do Brasil, em maio, foi demitido nesta quinta-feira pela diretoria do São Paulo. O nome do novo treinador ainda não foi definido. Assim, a equipe será dirigida pelo auxiliar-técnico Milton Cruz diante do Cruzeiro, sábado, no Estádio do Morumbi, em duelo válido pela nona rodada do Campeonato Brasileiro.

A saída de Carpegiani foi selada após uma reunião nesta quinta-feira entre o treinador e João Paulo de Jesus Lopes e Adalberto Baptista, vice-presidente e diretor de Futebol, respectivamente, no CT da Barra Funda. As três derrotas seguidas no Campeonato Brasileiro para Corinthians (5 a 0), Botafogo (2 a 0) e Flamengo (1 a 0) pesaram para a decisão.

 "Nesse período que estive no clube, dirigi uma das melhores equipes do mundo. Infelizmente enfrentamos muitas dificuldades em relação à repetição do time por vários motivos. Dei o meu melhor desde o primeiro dia e sempre procurei extrair o máximo de cada um. Se não conseguimos conquistar um título, tenho certeza que deixei um legado importante, especialmente com os mais jovens", disse Carpegiani, ao site oficial do São Paulo.

Adalberto Batista elogiou o trabalho do treinador à frente do São Paulo, mas ressaltou que a equipe precisa reagir. "Tivemos muita satisfação em tê-lo como profissional do clube durante este período, não só por sua qualidade técnica, mas também por seu comportamento ético e profissional. É de se destacar o trabalho do Paulo [Carpegiani] no desenvolvimento de atletas formados no clube, que hoje são realidade e destaque no cenário nacional. Tomamos esta decisão pensando na melhor forma para a equipe reagir", afirmou.

Carpegiani chegou ao São Paulo no início de outubro de 2010 e fracassou na tentativa de classificar a equipe para a Libertadores de 2011. Neste ano, o time caiu nas semifinais do Campeonato Paulista, ao ser derrotado pelo Santos, e nas quartas de final da Copa do Brasil, sendo eliminado pelo Avaí, o que causou enorme pressão para sua saída.

O treinador, porém, conseguiu uma sobrevida ao vencer os cinco primeiros jogos do São Paulo no Campeonato Brasileiro, o que colocou o time na liderança do torneio. A equipe, porém, caiu de rendimento, o que provocou a queda de Carpegiani. Nesta passagem, o técnico comandou a equipe em 46 jogos, com 29 vitórias, quatro empates e 13 derrotas, e deixou o time em terceiro lugar no Brasileirão, com 15 pontos somados em oito partidas.

Carpegiani já havia dirigido o São Paulo em 1999 e também não havia conseguido ser campeão. No total das suas duas passagem, o treinador comandou o clube do Morumbi em 114 partidas, com 70 vitórias, 13 empates e 31 derrotas.

Avalie este item
(0 votos)
Última modificação em Sexta, 12 Outubro 2018 13:49

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Post Gallery

Até às 11h de hoje (06/05) 13.308.540 declarações foram recebidas pelos sistemas da Receita Federal.

PREFEITURA SUSPENDE VENCIMENTO DE IMPOSTOS ATÉ 10 DE MAIO

SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO IMPLANTA ENSINO A DISTÂNCIA NA QUARENTENA

PREFEITURA ESTIPULA NOVAS REGRAS PARA O COMÉRCIO

AULAS CONTINUAM SUSPENSAS NA REDE MUNICIPAL DE ENSINO

Micro e pequenas empresas registram recorde de inadimplência

Taquaritinga - Inscrições para a Etam Santa Cecília vão até 30-10

Taquaritinga - EXAME PAPANICOLAU GRATUITO

Em Itápolis mulher é assassinada com 31 facadas pelo próprio filho